top of page
Picsart_23-09-14_09-31-26-480.png
InShot_20220301_173144045_edited.jpg

Siga o Portal
nas redes sociais:

  • YouTube - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle

PROCURE PELOS SEUS
POSTS FAVORITOS:

______________________

Måneskin e a Sociedade Gasosa: Uma Reflexão sobre Mudanças Culturais e Comportamentais.


https://galeria.portalmaneskin.com/

Hoje, quero trazer uma perspectiva que venho refletindo há bastante tempo sobre a banda. Você já parou para pensar sobre a marca cultural que Måneskin tem impresso na sociedade? Não? Então vem comigo...

Måneskin é mais do que uma banda; eles estão à frente de uma revolução cultural, instigando mudanças significativas em nossa percepção da sociedade e nas tendências culturais. Talvez por isso, eles incomodem tanto alguns setores da sociedade.



Decidi liberar meu lado "nerd" e mergulhar de cabeça nessa análise, mas antes, devo admitir que não sou nenhuma filósofa ou socióloga, estou apenas correndo o risco de escrever humildemente algumas linhas sobre, a conexão entre Måneskin e as mudanças na nossa cultura contemporânea. A relação entre, música, identidade pessoal, progressismo social entre Måneskin e essa tal de "sociedade gasosa".


A "Sociedade gasosa" é um termo atual que menciona uma nova tendência cultural importante, contemporâneo que descreve a fluidez das fronteiras entre gêneros, identidades e normas sociais, ou seja, fala sobre como essas diferenças, estão se tornando mais flexíveis, e às vezes até mesmo iguais. Este termo resume uma mentalidade aberta e progressista que encoraja as pessoas a serem elas mesmas e a questionarem as regras sociais comuns. Isso promove mais liberdade de expressão e individualidade.

Dentro deste contexto de mudanças sociais e culturais radicais, Måneskin surge como uma força cultural irreversível, destemida e vibrante.

Através de sua música e de suas performances, Måneskin transmite uma mensagem poderosa de aceitação e liberdade. Como o vocalista Damiano já deixou claro em várias entrevistas, a banda tem um objetivo claro:


https://galeria.portalmaneskin.com/
"Nós queremos desafiar as normas e sermos verdadeiros conosco mesmos, independentemente do que isso signifique para os outros."

Este compromisso com a autenticidade e a liberdade de expressão é algo que conversa profundamente com sua base de fãs, contribuindo para a sua popularidade crescente e impacto cultural.

Desde sua vitória surpreendente no Eurovision, Måneskin tem sido um farol de criatividade e autenticidade, desafiando as normas estabelecidas e celebrando a diversidade em todas as suas formas.

"Tudo o que fazemos é uma extensão de quem somos como indivíduos e como grupo. Queremos inspirar outros a abraçarem quem são" disse Victoria.

Måneskin, ressoa significativamente com a chamada "sociedade gasosa". A banda, com sua abordagem franca e destemida à sexualidade e identidade de gênero, é uma representação viva dessa tendência cultural emergente. Eles não hesitam em desafiar as normas estabelecidas e os estereótipos convencionais, promovendo uma mentalidade mais aberta, inclusiva e progressista. As letras provocativas e as performances cheias de energia, desafiam as convenções. Eu fico imaginando o público do Sanremo e depois Eurovision, ouvindo pela primeira vez Zitti e Buoni:


E buonasera, signore e signori
E boa noite, senhoras e senhores
Fuori gli attori
Traga os atores
Vi conviene toccarvi i coglioni
É melhor vocês tocarem as bolas
Vi conviene stare zitti e buoni
É melhor ficarem calados e comportados
Qui la gente è strana tipo spacciatori
Aqui as pessoas são estranhas, tipo traficantes
Troppe notti stavo chiuso fuori
Fiquei trancado do lado de fora por noites demais
Mo li prendo a calci 'sti portoni
Agora eu arrombo esses portões


Eles têm uma maneira de abordar questões de gênero e sexualidade, que podem ser vistas como desafiadoras ou até mesmo ameaçadoras para aqueles que aderem a visões mais tradicionais e limitadas desses conceitos. A banda, no entanto, permanece inabalável em sua missão de desafiar o status quo e promover a liberdade de expressão e individualidade.

Os membros de Måneskin são, em muitos aspectos, o rosto da "sociedade gasosa". Eles representam uma geração que rejeita as noções tradicionais de gênero e identidade, optando por uma abordagem mais fluida e inclusiva. Eles são um exemplo de como a autenticidade e a expressão individual podem desafiar as normas sociais convencionais e abrir caminho para uma sociedade mais inclusiva e igualitária.

Eles têm sido uma força motriz na promoção de uma maior aceitação e compreensão da diversidade e inclusão, mostrando que a verdadeira beleza reside na nossa individualidade e na liberdade de expressar quem realmente somos.

No entanto, apesar da sua popularidade crescente e do impacto cultural que têm tido, Måneskin também tem enfrentado resistência. Basta dar uma passeada pelas redes, que veremos uma enxurrada de hate em cima deles, principalmente e "pasmém", de pessoas da cena Rock. Mas que bom que isso só acontece com uma parcela de pessoas, os próprios vocalistas e membros de outras bandas já teceram elogios a banda e essa lista é longa, com nomes como: Dave Grohl, James hetfield, Iggy Pop, Tom Morello, Paul McCartney, Jon Bon Jovi, Mick Jagger, Robert Trujillo, Chris Martin, Dan Reynolds, Axl Rose, Jared Leto, Elton john, Matt Sorum, Bill Kaulitz, Luke Spiller...bom já deu pra ver que hate é coisa é coisa de fã, parado no tempo né? Voltamos a nossa pauta!

Isso acontece, particularmente entre os setores mais conservadores da sociedade, que se sentem ameaçados pelas mudanças que a banda representa. No entanto, eles permanecem firmes em sua missão, com a crença de que a música, como uma forma universal de expressão, tem o poder de unir pessoas de diferentes origens e perspectivas, e de catalisar mudanças positivas na sociedade.


https://galeria.portalmaneskin.com/

Outro aspecto importante é o abismo ideológico entre homens e mulheres da Geração Z. Enquanto as mulheres dessa geração tendem a ser mais progressistas, abraçando a diversidade e desafiando as normas sociais, muitos homens da mesma faixa etária mostram-se mais conservadores. Esse contraste pode ser parte da explicação para a predominância do público feminino entre os fãs de Måneskin.

É interessante que as mulheres da Geração Z se identificam profundamente com a mensagem de autenticidade e liberdade de expressão que a banda transmite. Elas veem, um reflexo de seus próprios desejos de desafiar o status quo e expressar sua individualidade sem quaisquer restrições. Por outro lado, os homens dessa geração, que tendem a ser mais conservadores, podem não se identificar tão fortemente com essa mensagem.

As mulheres estão se tornando cada vez mais liberais, enquanto os homens estão se tornando mais conservadores. Este fenômeno tem sido observado em vários países, particularmente nas urnas, onde as mulheres tendem a votar mais à esquerda e os homens tendem a virar à direita ou à extrema direita.

No entanto, existem muitas exceções. Há muitos homens da Geração Z que são progressistas e se identificam com a mensagem de Måneskin, assim como há mulheres que podem ter visões mais conservadoras. A diversidade de pensamentos e perspectivas é o que torna cada geração única e complexa.

Após a turnê "Rush" extremamente bem-sucedida e suas apresentações impressionantes em festivais ao redor do mundo, a banda decidiu tirar um descanso merecido. Eles estavam ansiosos por um tempo para relaxar, recarregar as energias e refletir sobre suas conquistas. No entanto, a presença da banda ainda é muito sentida, menos do que gostaríamos, por motivos óbvios de vício mesmo!


Damiano, por exemplo, tem explorado seu lado solo, aparecendo em eventos individuais e mostrando sua versatilidade como artista

https://galeria.portalmaneskin.com/


Recentemente, Damiano performou "Keep The Faith" durante a gala Person Of The Year, em homenagem a Jon Bon Jovi! Com direito a ser aplaudido de pé pelo próprio Jon e eu claro, e eu quase enfartei!

A cerimônia de homenagem à Personalidade do Ano da MusiCares, é um dos eventos de maior prestígio durante a Semana GRAMMY.

Foi maravilhoso e eu contei um pouco sobre esse evento, aqui!





Victoria, por sua vez, também tem aproveitado o intervalo da banda. Ela está desfrutando de uma carreira paralela bem sucedida como DJ, expandindo ainda mais o alcance da banda.

Vic! Que já se destacou em festas, agora estará presente em eventos por todo o mundo. Ela já brilhou na Milano Fashion Week e tem apresentações confirmadas na Bélgica, Miami e França. Além de ser o rosto da nova coleção do Emporio Armani Underwear.


https://galeria.portalmaneskin.com/

Mesmo que estejam desfrutando de férias bem merecidas neste momento, a banda já tem uma série de festivais marcados para o ano de 2024. O que nos deixa em grande expectativa, pois eles têm um histórico de sempre nos surpreender quando menos esperamos!

Estamos na torcida para que, entre esses festivais, algum seja agendado aqui no Brasil.

Assim, enquanto seguimos de perto a jornada de Måneskin, somos convidados a celebrar a diversidade.


Essa ideia de desafiar normas, não se limita apenas às letras das músicas, mas também se manifesta em suas performances. Um exemplo marcante ocorreu no final de Junho de 2021, quando o vocalista e o guitarrista protagonizaram um beijo apaixonado no palco, durante uma transmissão na TV pública polonesa. Esse gesto não foi apenas um ato espontâneo, mas sim uma declaração consciente em meio a uma onda de protestos pelos direitos LGBTs que tomou conta da Polônia. Essa atitude corajosa da banda não apenas desafia as normas sociais e culturais vigentes, mas também demonstra seu compromisso com a inclusão e a igualdade, inspirando fãs e espectadores a se levantarem contra a discriminação e a lutar por um mundo mais justo.


"Achamos que todos deveriam ter permissão de fazer sem nenhum medo. Pensamos que todos devem ser completamente livres para ser o que quiserem. Obrigado, Polônia. O amor não é nunca errado", disse Damiano.

A banda nos mostrou que a música é uma força poderosamente transformadora, capaz de unir corações, abrir mentes e promover mudanças significativas no mundo, tornando-o um lugar melhor. O futuro está nas mãos talentosas deles, e estamos ansiosos para descobrir o que eles têm reservado para nós. Cada nova música, cada novo álbum, é um presente que esperamos com entusiasmo.

Ah! e Olha só! Compartilhem conosco nos comentários suas reflexões sobre a relação entre a sociedade gasosa e MM. Como vocês veem a influência da banda nas mudanças culturais em andamento? Qual é o impacto que eles têm tido em suas vidas e em sua visão de mundo?


Comments


bottom of page